Elogiados por sua "confiança estilística e vontade de impressionar com emoções - para todos os quatro, a música de câmara parece ser a essência da própria música"; (Rádio Nacional Austríaca ORF Ö1, „Intrada“). Formado a partir do Duo de Violinos "Mozartiano" na primavera de 2013, Auner Quartett traz refinamento e

proeza para o repertório camerístico. O grupo organiza uma série de concertos em Viena, apresentando-se mensalmente no salão barroco da antiga Câmara Municipal, hoje conhecida como "Bank Austria Kultursalon". Como apaixonados músicos de câmara, o quarteto se esforça para não apenas explorar o extenso repertório desta formação, mas também apresentar a sua própria voz dentro da música.Sob a orientação de Johannes Meissl (Artis Quartett) na Universidade de Música e Artes Cênicas em Viena focam fortemente no domínio do “Wiener Klang” (o típico som vienense), bem como uma interpretação sofisticada de obras do período clássico.

Trazendo seu patrimônio musical e abordagem emocional individual da Áustria, Brasil, Rússia e Belarus, para este caldeirão musical, mas compartilhando a mesma formação educacional, os artistas usam suas heranças culturais como vocação para transmitir através da música uma experiência espontânea e original. Impulsos artísticos adicionais de, Hatto Beyerle (Alban Berg Quartett) e Petr Prause (Talich Quartet) durante sessões de coaching na Academia de Música de Câmara Européia, Alasdair Tait (Belcea Quartet), Geoffrey Nuttall e Lesley Robertson (St. Lawrence String Quartet, EUA) completam sua qualificação.

Auner Quartett, integrado pelos violinistas Daniel e Barbara Auner, o violista Nikita Gerkusov e o violoncelista Konstantin Zelenin, se apresentou em locais como: Schubertiade Schloss Atzenbrugg, Schlosskonzerte Walpersdorf, Festival Allegro Vivo, MuTh, Museu Albertina, Schlosskonzerte Maria Enzersdorf, Sommerkonzerte Wienerwald (Áustria); Festival MozArt (Suíça); Universidade de Údine (Itália); Bing Concert Hall (Stanford, EUA); Centro Cultural da ADUnB (Brasília) Fundação Eva Klabin (Rio de Janeiro); Celebração de 150 anos da embaixada da Áustria em Londres (Reino Unido);

"Salonkonzerte" (Budapeste, Hungria); Festival Internacional de Música de Câmara (Polotsk, Bielorrússia); Festival de Música de Istambul (Turquia); Gauteng Chamber Music Festival (Pretória, África do Sul) e muitos outros. Além disso, o grupo apresentou à frente de orquestras sinfônicas o Concerto para Quarteto de Cordas de Louis Spohr e tem aparecido frequentemente na TV (ORF, GLOBO) e estações de rádio (ORF Ö1, Radio Klassik- Austria e TRT-Turquia). O quarteto também compartilhou o palco com renomados músicos, entre eles o piano-duo Ferhan e Ferzan Önder, os pianistas Cristian Budu, Robin Green e Anna Magdalena Kokits, o clarinetista Simon Reitmaier, os violoncelistas Thomas Auner e Rudolf Leopold e o barítono Thomas Weinhappel.

O grupo está extremamente orgulhoso de trabalhar com vários compositores contemporâneos como Johanna Doderer, Ernst Ludwig Leitner e Serkan Gürkan, considerando uma das principais inspirações.

Como fortes defensores de intercâmbios culturais e oficinas educativas, o quarteto está ativamente envolvido em várias ações comunitárias. Membro do programa "Rhapsody in School " fundado pelo pianista alemão Lars Vogt, realiza workshops nas escolas. Em um tempo de encolhimento do público, o grupo considera um dever dirigir-se pessoalmente aos novos ouvintes. O trabalho social, muitas vezes em colaboração com o Ministério de Relações Exteriores da Áustria, inclui masterclasses e apresentações em inúmeros programas para jovens músicos ao redor do mundo.

Seus dois álbuns ao vivo, "Mozart e Mendelssohn", bem como "Schubert e Villa-Lobos" foram apresentados em todas as estações de rádio clássicas austríacas e estão digitalmente ligados à novas plataformas de streaming de música clássica como "idagio" em Berlim. Em seu mais recente álbum com Simon Reitmaier, os quintetos para clarinete e quarteto de cordas de Mozart, Reger e Leitner foi altamente elogiado pelos críticos e lançado pelo selo Gramola em fevereiro de 2018.

Um retrato com as obras de Johanna Doderer foi lançado pelo selo "Capriccio" na primavera de 2018.

Auner Quartett tem como parceiro o fabricante de cordas Thomastik Infeld, contribuindo de perto no refinamento de seus excelentes produtos; o primeiro violinista do quarteto, Daniel Auner toca em um instrumento do luthier Giovanni Battista Guadanini - um generoso empréstimo do Banco Nacional da Áustria.